Conheça melhor as alterações do auxílio doença e saiba como recorrer a perda do mesmo.

O auxílio doença é um benefício acessível a todo trabalhador que se encontre em situação de incapacidade e que tenha cumprido o período de carência, ou seja, além de estar impedido de exercer suas funções no trabalho, é necessário ter cumprido um período mínimo de contribuições junto à previdência social para ser qualificado como assegurado.

O auxílio doença concedido pelo INSS e regulado pela Lei 9.213/91, tem seu valor calculado com base em 80% dos maiores salários de contribuição do assegurado e pode ter a sua solicitação acompanhada de maneira virtual. O site “Consulta Meu INSS” ensina detalhadamente como fazer a consulta INSS pela internet.

No ano passado, milhares de cidadãos que recebiam esse benefício deixaram de receber por conta do “Pente fino” promovido pelo ministério público. Pensando nisso, resolvemos escrever esse artigo com informações sobre as alterações desse benefício e sobre como recorrer ao corte do mesmo.

Alterações do benefício

Com a Reforma da Previdência todos os cidadãos devem ficar atentos as várias alterações que foram sugeridas para os benefícios do INSS.

Dentre essas mudanças, algumas já vinham sendo aplicadas de maneira explícita, como o entendimento que o percurso do empregado até o local de trabalho não deve ser visto como tempo disponível a empresa, e outras de maneira não explícitas como o aumento da dificuldade para se conseguir os benefícios, ou os cortes de auxílios que se deram em decorrência do “Pente fino”, onde milhares de cidadãos que não possuíam qualquer tipo de irregularidade tiveram seus benefícios concedidos pelo INSS cancelados.

Problemas como esses levam as pessoas a terem receio quanto ao processo previdenciário.

Processo previdenciário

Nos casos em que o assegurado tem direito ao benefício e mesmo assim ele foi indeferido ao cancelado pelo “Pente fino”, a única saída para o solicitante é recorrer na justiça através de um processo previdenciário, nesse tipo de processo todos os documentos anteriores referentes ao INSS serão anexados, e o Magistrado irá determinar uma nova perícia.

Em alguns dos casos, o cidadão que se encontra incapaz e depende de uma posição processual quanto a solicitação de seu benefício, acaba por ficar preso no chamado “limbo jurídico”, onde a empresa que contratou seus serviços não quer arcar com um funcionário que se encontra incapaz ou debilitado para exercer suas atividades de forma plena, e o INSS recusa-se a deferir o benefício, deixando o solicitante sem qualquer renda neste período.

Pessoas que se encontram nessa situação de “limbo previdenciário”, devem recorrer aos serviços de um advogado profissional especializado nessa área o mais rápido possível, pois esta é a única forma de agilizar o processo e fazer com que o solicitante consiga seus direitos sem ser prejudicado por muito tempo.

Gostou desse artigo? Então fique atento ao nosso site, pois em breve traremos muitas outras notícias.

Como abrir uma clínica veterinária – Dicas essenciais para o sucesso do seu negócio

Dicas para ter sucesso no seu negócio

Deseja saber como abrir uma clinica veterinária? Confira algumas dicas essenciais para o sucesso do seu negócio, aqui neste artigo. O mercado pet e um dos mais competitivos do país, esse segmento arrecada bilhões por ano, por esse motivo, é necessário estar atento a todos os detalhes que podem fazer a diferença e manter um bom posicionamento da sua empresa diante da concorrência.

Como abrir uma clínica veterinária – Dicas essenciais para o sucesso do seu negócio
Como abrir uma clínica veterinária – Dicas essenciais para o sucesso do seu negócio

Os animais de estimação (como cães e gatos) já fazem parte de muitas famílias, então abrir uma clínica veterinária que lhes dê atenção pode ser um negócio promissor, devido ao potencial crescente desse mercado.

Confira a seguir algumas dicas para garantir o sucesso de seu negócio:

O que é necessário para ter uma clínica de sucesso?

Confira quais requisitos necessários para montar uma veterinária. Depois de estar com toda a documentação em mãos, o conhecimento e experiência é o principal requisito para abrir uma clínica veterinária. O trabalho clínico do centro deve permanecer nas mãos de um profissional médico veterinário. Além de ter uma equipe especializada para atender as necessidades dos clientes e conquistar a confiança dos mesmos.

  • Software para clínica veterinária

O software para clínica veterinária permite a otimização de todo o processo administrativo do seu negócio, como exemplo, agendamento de consultas, procedimentos, controle financeiro, controle de estoque, funcionários, entre outros.

Um programa desenvolvido para ajudar em toda a parte gerencial, deixando não só os donos da empresa satisfeitos, como também os clientes que terão um melhor atendimento e acompanhamento.

  • Localização

É aconselhável procurar áreas da cidade com boa expansão urbana, que não tenham muita concorrência.

  • Instrumentos

Os instrumentos, tanto estéticos (como secadores de cabelo, por exemplo) como cirúrgicos, são muito específicos e devem ser adquiridos em um local adequado que seja dedicado à fabricação ou comercialização dos mesmos. As compras devem ser feitas pelo profissional, ou seja, pelo veterinário.

  • Móveis

Gaiolas de plástico e metal serão necessárias para ter animais de estimação que tenham sido operados, pois necessitarão de cuidados e observação logo após.

  • Medicações

Anestesia, desinfetantes, agentes antiparasitários, pulgas e outros medicamentos específicos para olhos, estômago, etc. devem estar sempre disponíveis.

  • O que deve ser levado em conta para contratar fornecedores?

No caso de um veterinário, é necessário entrar em contato com vários fornecedores sérios de medicamentos e material clínico para uso diário.

Você também pode considerar criar um portfólio com serviços de assistência mais caros ou complicados de manter, terceirizá-los (ultrassonografia, análises clínicas, cirurgias complicadas, coleta de lixo, etc.).

  • Pessoal

Em uma porcentagem muito grande, as clínicas trabalham com apenas um veterinário. É essencial que você mantenha atualizado o treinamento do pessoal clínico.

A gestão veterinária será dividida de acordo com os profissionais que estão trabalhando e a quantidade de serviços oferecidos pelo local. Em geral, a administração do estabelecimento é deixada para os proprietários, no caso, os mesmos podem usar o software para clínica veterinária que ajuda a otimizar todo o processo burocrático e administrativo, além de poupar tempo para se preocupar com outras questões.

  • Os Clientes

São, em maior medida, os proprietários de cães e gatos e, em menor medida, os de animais exóticos, como os pássaros. Devemos ter estratégias que atraiam e fidelizem os mesmos, como exemplo, panfletagem, publicações em redes sociais e no site da clínica, além de oferecer promoções como combo de serviço por um preço mais acessível.

  • Serviços oferecidos

Muitos veterinários têm diversificado seus serviços para aumentar o lucro de sua clinica e petshop, tanto para gerar novas fontes de renda quanto para fidelizar clientes. Os mais procurados são os serviços de preparação de cães, limpeza e desparasitação de gatos, treinamento, etc. Pense no tipo de serviço que ainda não é oferecido para os pets na região que deseja montar o seu negócio e adquira ele na sua clínica.

Essas dicas são simples, mas é essencial conhecê-las para montar uma clínica veterinária com segurança e garantir o sucesso da mesma.

5 coisas essenciais que você deve saber antes de empreender em semijoias

Com as altas taxas de desemprego no Brasil e o alto custo de vida, é normal que cada vez mais mulheres busquem formas de ganhar uma renda extra. Por isso, se você é uma mulher comunicativa, gosta de ser independente e está pensando em empreender em semijoias para ter sua autonomia financeira, confira o artigo de hoje.

Descubra com nossas dicas tudo o que você precisa saber antes de empreender!

  1. Seja adaptável às tendências

O primeiro passo para se tornar uma boa revendedora de semijoias atacado é ser adaptável às tendências, estar disposta a mudar de acordo com a moda.

Isso porque com o fenômeno das blogueiras, influencers ou mesmo das celebridades de TV, provavelmente algumas de suas clientes estarão atentas a todos os acessórios da moda, ansiosas pelas novidades.

Você deve estar preparada para ficar sempre um passo à frente e ter as peças que suas clientes desejam.

Por isso, acompanhe diariamente as notícias do universo feminino e o que está em alta na moda.

  1. Conheça um fornecedor de confiança

Para empreender em semijoias, é essencial ter um fornecedor de confiança, pois a responsabilidade serpa completamente sua em qualquer atraso na entrega das peças.

Lembre-se que suas clientes entram em contato diretamente com você e não com o fornecedor.

Por mais que você estreite o laço com todas elas, suas clientes se importam em receber o produto no prazo definido e às vezes outras pessoas podem estar dependendo delas (como em caso de presentes, por exemplo).

Por isso, ao entrar em contato com um fornecedor, leia todas as exigências do contrato e negocie sobre os prazos de entrega.

É importante ficar atenta até as formas de pagamento e alternativas para que nada se torne um empecilho e te dê problemas em cima da hora.

  1. Atendimento personalizado

O maior erro das iniciantes no empreendedorismo feminino e principalmente, na revenda de semijoias, é achar que basta colocar as joias na caixa de mostruário e ir às casas das clientes com o mesmo discurso de vendas montado.

Um dos segredos de garantir seu faturamento frequente é manter um atendimento personalizado às clientes.

Isso significa conhecer cada cliente, seu hobbies, personalidade e hábitos.

Assim você saberá que é mais adequado oferecer um brinco de argola grande para uma jovem de 19 anos que frequenta baladas do que à uma cliente mais velha e caseira, por exemplo.

Com o tempo, ao conhecer cada cliente, será mais fácil vender vários acessórios para uma mesma pessoa.

  1. Cuidado com a flexibilidade de horários

Um dos principais diferenciais que as novas empreendedoras de semijoias buscam é a flexibilidade de horários, a autonomia.

Porém, antes de entrar nesse ramo é necessário estar atenta a isso, pois muita autonomia pode ser conflitante.

Planeje sua agenda de atendimento sempre em horário comercial e evite entrar em contato com as clientes no período da noite.

Não se sinta atraída pelo glamour da flexibilidade de horários e acabar acordando muito tarde também, pois suas clientes dependem de você.

  1. Antecipe sua clientela

Por último, não se esqueça que antes mesmo de começar a revender semijoias, você deve ter uma cartela de clientes para cobrir seus investimentos iniciais.

Por isso, observe quem pode ser sua futura clientela e comece a conversar com amigas, colegas de trabalho e familiares.

O seu círculo de amizades tem grande potencial de vendas, principalmente porque são pessoas que têm confiança em você.

Informando as pessoas pelo WhatsApp, Instagram e Facebook, suas potenciais clientes ficarão ansiosas pela novidade.

Gostou das nossas dicas do que precisa saber antes de empreender com semijoias? Então deixe seu comentário!

Extrato e Fatura do Cartão CalCard – StudioZ

Este artigo foi produzido exclusivamente para todos que possuem um Cartão da Calcard e por algum motivo esteja necessitando consultar e/ou imprimir sua fatura Calcard. 

Calcard é o nome do cartão oficial das Lojas (Studio Z) e iremos mastigar de maneira bem detalhada todos os passos necessários que você deve seguir para consultar e imprimir extrato do Calcard.

Para você consultar é bem fácil, basta você ter em mãos um computador/celular com acesso à internet e o número do seu cartão Calcard. (em alguns casos será necessário realizar o procedimento acima via telefone).

Sem mais delongas, vamos ao passo a passo de como realizar este procedimento, ao término do artigo, você irá ver como é fácil e rápido consultar e/ou imprimir sua fatura Studio Z.

Consultando e/ou imprimindo extrato do Calcard via site

Praticamente todas as companhias, empresas e até micro negócios estão se modernizando e oferecendo diversos serviços via internet, sem à necessidade de você se deslocar até uma agência.

Com as lojas do Studio Z também não é diferente, veja como consultar sua fatura Studio Z sem sair de casa!

  • Primeiramente, você deve acessar o site oficial da Calcard clicando no link ao lado. (Clique aqui para consultar extrato cartão Calcard).
  • Ao adentrar no site, você irá visualizar um campo em branco pronto para ser preenchido. Digite os dígitos do seu cartão Calcard e posteriormente clique no botão imprimir boleto.
  • E pronto! Você agora poderá consultar sua fatura Studio Z ou imprimir seu extrato cartão Calcard com apenas um clique.

Bem sabemos que nem todo mundo está acostumado com as novas tecnologias, pois o avanço da internet surgiu de maneira bem súbita, muitas pessoas ainda ficam congeladas no tempo por diversos fatores, falta de conhecimento, falta de oportunidades e/ou tempo e afins.

Para esses casos, iremos ensinar um método alternativo para consultar sua fatura Calcard de maneira “caseira” também e no conforto de sua casa.

Consultando fatura Studio Z via telefone

Como citado acima, muitas pessoas possuem dificuldades em emitir faturas e extratos via Internet, algumas empresas possibilitam alguns meios alternativos, outras não.

Mas para nossa sorte as lojas Studio Z concede SIM! Iremos mostrar para você os documentos necessários e os números de atendimento.

  • Primeiramente, ligue para a central de atendimento da loja e informe ao atendente os dados informados no tópico acima e peça que ele envie sua fatura diretamente para seu endereço eletrônico, ou então, peça que ele diga os dígitos do seu cartão e efetue o pagamento via Internet Banking.
  • Os números são: (65) 36149680 (Para Várzea Grande e Cuiabá) e para o restante, 0800653033.

Calma, ainda não é o fim! Ainda iremos te mostrar uma terceira opção para consultar sua fatura, tudo bem?

Consultando fatura Calcard via aplicativo

Para os fãs de carteirinha dos aplicativos móveis, as lojas Studio Z concede para os clientes um aplicativo, na qual é possível realizar alguns procedimentos, como por exemplo:

  • Visualizar faturas
  • Visualizar limites
  • Bloquear cartão
  • Visualizar código de pagamento

E alguns outros benefícios que você irá ver na prática. Confira os links para download, atualmente disponível para iOS e Android.

Todos os meios acima são viáveis e extremamente fáceis de utilizar, mas é recomendado que consultasse sua fatura diretamente pelo site, pois é mais prático e rápido, até para imprimir.

“Todavia, não se esqueça de conferir se o site está com certificado SSL gratuito (cadeado verde).”

Mas todos os métodos foram criados exclusivamente para usuários leigos, para quem não possui muita afinidade com a internet e quer apenas consultar e/ou imprimir sua fatura/extrato do cartão Calcard.